21.2.18

Série: The Resident

||
SINOPSE: Um jovem médico idealista começa seu primeiro dia sob a supervisão de um brilhante e austero residente sênior, que revela o lado bom e mau da medicina moderna. As vidas podem ou não ser salvas, mas as expectativas serão sempre destruídas.
      Meus motivos para assistir essa série sempre foram claros: Matt e Emily Vancamp. Adoro esses de outras séries e definitivamente estava com saudade de vê-los em cena. Também tenho um amor escondido por seriados médicos apesar da minha impaciência com medicina. Então essa série trouxe todo um prato que eu queria. Após o piloto e talvez o segundo, conferi a opinião de um médico sobre a estória e trouxe minha opinião aqui para vocês.

                Primeiro: a realidade de The Resident é veraz, mas também é assustadora. A medicina é um negócio. E a série trata desse lado negro. Já assisti muitos seriados nessa linha de medicina, mas nenhum deles tratou dela de maneira tão crua e até mesmo feia como se pode observar em certos aspectos. Além disso, o seriado traz uma realidade onde os médicos precisam tratar de muitos pacientes ao mesmo tempo - como numa real emergência - e não apenas um como na maioria dos tvshows. Ele trabalha sobre os erros e os acertos, e gostei do enfoque para o psicológico de quando se perde um paciente. Pois todos são humanos, pelo menos alguns na série são.
                Segundo: a atuação é primorosa. Todo o elenco é muito bom e consegue transpor com louvor as características que distinguem cada um – principalmente Emily e Matt. Sou suspeita para falar isso. Acredito que porque são atores muito fortes conseguem segurar a marimba e todo o elenco nas costas – apesar de eu não enxergar que os outros são ruins. Dito tudo isso, a minha personagem favorita está sendo a cirurgiã Mina Okafor. Com um humor ácido, ela é forte, corajosa, crua e traz um tempero diferenciado para o seriado que me agradou muito.

                Em suma, folks, a série é muito boa e eu não poderia deixar de falar dela aqui, ainda que brevemente. Com sua peculiaridade e característica própria, The Resident é o meu novo vício dessa mid-season. Altamente recomendada. 
Bem, folks... por hoje é só.
XO XO

3 comentários:

  1. Oi, Alana!

    Eu assisti o primeiro episódio e o carinha arrogante lá me deu tanto nervoso que acabei nem tendo vontade de continuar a série kkkk mas é como você disse, a série apresenta todos os lados de forma crua, sem amenizar as situações, então talvez seja isso. Adorei a sua resenha, vou ver se dou uma segunda chance pra série e continuo a assistir haha

    xx Carol
    Vai rolar Booktour do meu livro O Poder da Vingança, vem participar!
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Alana,

    Não conhecia a série, mas gostei do enredo, parece ser bem interessante pela forma de abordagem.
    Vou por na minha lista, apesar de ter alguns ( muitos hahaha) na frente.
    Bjs
    http://diarioelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. É com o ator que fez Logan em "Gilmore Girls" :O Adorei sua resenha da série. Dica anotada.
    Bjs
    https://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir