Resenha: O Livro dos Espelhos - E.O. Chirovici - Pieces of Alana Gabriela

26 de jul de 2017

Resenha: O Livro dos Espelhos - E.O. Chirovici

Helloo, folks... tudo numa nice?!
Depois de um milênio venho trazer a resenha desse livro policial para vocês.
Confiram as minhas impressões sobre a obra desse autor romeno.

O Livro dos Espelhos | Autor: E.O. Chirovici | Ano: 2017 
Páginas: 322 | Editora: Record
Quando o agente literário Peter Katz recebe por e-mail um manuscrito parcial intitulado O livro dos espelhos, ele fica intrigado. O autor, Richard Flynn, descreve seus dias em Princeton, e documenta sua relação com Joseph Wieder, um renomado psicólogo, pesquisador e professor. Convencido de que o manuscrito completo vai revelar quem assassinou Wieder em sua casa, em 1987 — um crime noticiado em todos os jornais mas que jamais foi solucionado —, Peter Katz vê aí sua chance de fechar um negócio de um milhão de dólares com uma grande editora. O único inconveniente: quando Peter vai atrás de Richard, ele o encontra à beira da morte num leito de hospital, inconsciente, e ninguém mais sabe onde está o restante do original. Determinado a ir até o fim neste projeto, Peter contrata um repórter investigativo para desenterrar o caso e reconstituir o crime. Mas o que ele desenterra é um jogo de espelhos, uma teia de verdades e mentiras, e uma trama mais complexa e elaborada que a do primeiro lugar na lista de mais vendidos dos livros de ficção.
     Depois de receber um manuscrito parcial chamado o Livro dos Espelhos, o agente literário Peter, intrigado com a história decide contratar um repórter para investigar o caso que é porposto no manuscrito. O assassinato de Wieder, em 1987, um crime não solucionado noticiado em todos os jornais.
    E o motivo de contratar um repórter? Richard Flynn, o autor do manuscrito, está a beira da morte e Peter Katz sabe que precisa de alguém para investigar o assunto tendo em vista que a publicação de um livro que documenta Richard Flynn, e seus dias em Princeton e sua relação com Joseph Wieder, um renomado professor e psicólogo, lhe renderia muito dinheiro.
Mas o que o repórter desenterra é um emaranhado de segredos, mentiras e verdades próprias espelhadas nas histórias de cada envolvido.
    Não tenho o hábito de ler romances policiais pelo simples fato de eu ficar muito nervosa ao ler suspense desse tipo. Então não me aventuro muito pelo gênero.  Recebi há alguns meses este livro pela Editora Record e decidi dar uma chance para a estória. Não imaginava que fosse gostar tanto quanto gostei.
     O livro é realmente bem construído e trata de situações intricadas e muitas vezes enervantes que faz o leitor querer descobrir logo como o professor morreu. A curiosidade pelos fatos verdadeiros certamente fisgará o leitor.
     O livro é dividido em três partes. Cada uma narrada por pessoas diferentes. A primeira, Richard Flynn, a segunda pelo repórter John Keller e a terceira pelo policial Roy Freeman. Cada parte é narrada de modo que a estória seja amarrada com maestria e que as peças se encaixem aos poucos, prendendo o leitor.
     O meu narrador favorito foi o Roy. Excepcionalmente intrépido apesar da idade.
    A narrativa é fluída e a escrita do autor é simples  de modo que é acessível para todos os leitores.
O único ponto negativo para mim no livro é que as personagens no geral são bem mais velhas, por volta dos quarenta ou trinta e muitos anos, o que significa que em alguns momentos me vi distante de alguns dilemas das personagens por não vivenciar tal realidade. Mas nada que atrapalhe a leitura ou que deixe de engajar o leitor nesse mistério de espelhos. É preciso prestar bastante atenção para que nada confunda sua mente.
Altamente recomendado para quem gosta de uma bom romance policial, intricado e viciante.
Nota: 4/5
XO XO

3 comentários:

  1. Oi, Alana!
    Saudades das suas resenhas <3
    Menina, faz tempo que não leio um policial e está todo mundo falando desse. Vou acabar dando uma chance.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe do Sorteio de Férias: cinco livros, um ganhador!

    ResponderExcluir
  2. Oi Alana! Com certeza esse livro é pra mim! Ele está na minha lista há algum tempo.
    Bjs

    Amor Por Livros
    http://amo-os-livros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi Alana, percebi que esse livro está popular. Alguns amigos meu colocaram eles na lista de leitura. Nunca li um romance policial, mas não seria uma má ideia ahaha. Depois de uma resenha desta kkkk

    www.ocristaocriativo.com
    @ocristaocriativo (instagram) ❤

    ResponderExcluir