Resenha: Corte de Espinhos e Rosas - Sarah J. Maas - Pieces of Alana Gabriela

13 de jan de 2016

Resenha: Corte de Espinhos e Rosas - Sarah J. Maas

Feyre é a filha de um camponês falido, e vive com suas duas irmãs, Nestha e Elain, e o pai aleijado num chalé na aldeia pobre. A garota aprendeu desde cedo a caçar para ajudar a sustentar sua família desestruturada e desgraçada e esfomeada. Num inverno rigoroso ela sai para caçar e encontra um lobo diferente, uma criatura zoomórfica bestial cruzar seu caminho com o da corça que está caçando. Feyre conhece os feéricos pelas lendas e mesmo temendo estar fazendo algo de errado, ela ainda precisa alimentar sua família e a partir dessa situação que ela usa sua flecha de freixo e mata o lobo.
    Segundo as histórias se a criatura fosse mesmo um feérico algo aconteceria e depois que ela abateu o animal nada aconteceu, fazendo-a crer que não se passara apenas de um lobo.

Mas certo dia uma besta feérica invade a sua casa exigindo reparação de uma vida por outra. Para guardar sua família, Feyre faz um trato com a criatura e é arrastada para uma terra mágica e traiçoeira. 
Título: Corte de Espinhos e Rosas | Autor: Sarah J. Maas | Ano: 2015
Páginas: 434 | Editora: Galera Record | Lido em: Janeiro de 2016
Em Corte de Espinhos e Rosas, um misto de A Bela e A Fera e Game of Thrones, Sarah J. Maas cria um universo repleto de ação, intrigas e romance.
   A surpresa de Feyre se torna maior quando descobre que seu captor não é uma animal, mas sim Tamlin, senhor da Corte Feérica da Primavera. À medida que ela descobre mais sobre este mundo cheio de magia e coisas belas, seus sentimentos por Tamlin passam da mais pura hostilidade até uma paixão avassaladora. Mas uma maldição antiga assombra e avança sobre esse mundo que Feyre passou a se afeiçoar e ela deve provar seu amor para deter esse mal senão todos os feéricos estarão condenados.
- Sou imortal. Não tenho nada além de tempo, Feyre. - Ele disse meu nome com tanta... intimidade. Como se não fosse uma criatura capaz de matar monstros feitos de pesadelos.
   Bem, gente, agora eu já sei porque as pessoas falam tanto na escrita da Sarah. é muito fluida, rica e interessante. O livro não foi um mar de rosas para mim, houve pontos que gostei e outros que me tirou do sério e vou ressaltar aqui para vocês.
   Sinto muito para quem amou o livro, eu queria amá-lo também e estava muito ansiosa, but as coisas acontecem diferentemente na assimilação das coisas. 
Eu não achei que existiu um amor de verdade no que foi até então apresentado, não me senti convencida tanto assim, pelo menos pela tarde de Tamlin eu consegui observar o amor de verdade e achei que era verdadeiro. Feyre estava gostando do feérico no início, mas acho que ficou perdida no caminho e vi nela mais desejo do que tudo. Pode ser porque eu goste de amor triste e por isso não me senti convencida pelo amor extravagante, sensual e hot da humana. Mas o final serviu para mudar  um pouco esse âmbito.
    Eu gosto de histórias tristes, gente. De chorar muito.
     Enfim, eu achei que iria encontrar uma estória realmente conectada com a da Bela e a Fera, meu conto de fadas preferido, na verdade esse foi um dos motivos para eu desejar esse livro descontroladamente, mas foi um pouco mais avassalador e menos triste e fofo do que eu esperava. Esqueça a Disney, a autora só tomou ó conto de fadas como base. Na verdade a estória não é nada fofa. É cheia de mortes violentas, poder e brutalidade. #adoro
    A parte que realmente me irritou e que senti que estragou tudo para mim na estória e me fez perceber que não vou ler a continuação foi a apresentação do triângulo amoroso. Muito tosca por sinal. Quando vi Rhysand pela primeira vez e a compulsão de Feyre de achar ele lindo e se tremer eu entortei o nariz e depois de um certo acontecimento em diante eu desisti de gostar. Odeio triângulos amorosos, já  li algumas obras que tinham alguns bem construídos e que me fez até mudar de lado, mas esse eu odiei de todas as formas. Foi ridículo como foi construído tão descaradamente só para botar lenha na fogueira com aquele bad boy.
Jamais desejei tanto algo como retirar sua máscara e ver o rosto por baixo, descobrir se combinava com a imagem mental que fizera dele. - Diga que existe alguma forma de ajudá-lo. - sussurrei.  
    Tem situações que eu fico observando, quando o autor vai desconstruindo uma coisa e outra, foi assim com uma leitura recente, quando o autor estava construindo o triângulo, deixando um personagem de lado por um motivo muito fútil para colocar o outro e dar mais atenção a ele. Eu fiquei, tipo, sério que você fez isso? Não, não, não. Ou seja, essas coisas me tiraram do sério. Quando é algo inevitável e que faça muito sentido eu aceito e que tenha um background maior, mas se for montado e forçadamente fico fora do sério. Eu já consegui imaginar um monte de coisas que autora vai fazer para desandar as coisas e descobrir um novo "amor" para aumentar a tensão com o triângulo. Vamos inventar novos meios de chamar a atenção do público, gente?

    Senti que aquela batalha para salvar Tamlin perdeu o propósito por tudo que a Feyre fez. Num certo momento fiquei perdida e pensei: o que ela está fazendo agora?     

    Mas enfim, eu não achei de todo ruim o livro, eu só fiquei irritada com essas coisas e como o triângulo veio depois de sessenta por cento do livro eu fiquei irritada o resto todo da leitura. Mas admito sim que a escrita da autora é muito boa. E eu gostei dos personagens. Demais. Eu não conhecia o mundo feérico, essa foi a primeira vez que o adentrei e gostei bastante. É muito interessante, a magia por trás, a beleza, os perigos. Eu realmente fiquei fascinada. São seres poderosos, cativantes, brutais e estranhos.
   Meus personagens preferidos foram o Lucien e o Tamlin, é claro. Eu gostei da Feyre, mas não tanto assim. Gosto de personagens fortes e com certa vulnerabilidade em alguns casos, mas eu prefiro sempre personagens quebradas. Como disse antes gosto de chorar nos livros. *-* É claro que eu não esperava chorar nesse, mas eu esperava algo diferente do que foi apresentado, apesar de ter me sentido satisfeita em vários quesitos da obra.
    O livro é realmente muito bom, tem ação na medida certa, algumas partes mais lentas, mas sempre tem isso nos livros, descobertas e sei que tem muita gente que vai gostar do livro, e eu digo para que vocês leiam, o livro é bom, só não atingiu as minhas expectativas.. Eu realmente fiquei fascinada pelos feéricos.
     Eu simplesmente achei a maldição que a Sarah criou muito genial e interessante. Essa parte foi igualzinho de A Bela e a Fera, no quesito de ser maldição. A criação da Sarah foi intrigante e mais cruel ehehe. Eu fiquei chocada e animada nessa parte, sério, enquanto eu lia sorria com a genialidade. Outro ponto que gostei foi a sensibilidade escondida de Nestha, a irmã mais fria de Feyre. No início ela parece ser má, e eu realmente não gostei dela, mas depois quando passamos a entendê-la um pouco mais dá para simpatizar.
    Gente, eu também gostei do Rhysand, achei o personagem dele bem forte e interessante, quase todo mundo gosta de bad boy, mas temo que a autora queira sobrepujar Tamlin através dele; foram várias vezes que o Grão-Senhor se curvou e isso eu não gostei e me questionei muito. Eu já conheço os sinais e fico bem surtada quando os vejo tão deliberadamente.
    Teve gente que ficou reclamando da vilã. Bem, eu não achei que ela foi tão fraca assim como vi por aí, achei que ela poderia ser mais explorada, achei meio sem jeito essas coisa de Feyre tentar enfrentá-la visto que era só uma humana contra um ser tão poderoso. Se não fosse pelas provas eu não acreditaria em nada. Mas foi aceitável e satisfatório em alguns pontos e eu me peguei torcendo pela garota.
    Bem, a leitura não foi tão empolgante e do jeito que eu esperava, mas é uma boa leitura. Leiam por si mesmos. Teve altos e baixos para mim. Eu só acho que não vou continuar a trilogia por motivos que citei acima. Eu tenho Trono de Vidro aqui e seria a minha primeira leitura, mas Corte de Espinhos e Rosas tinha chamado mais a minha atenção. But, parece que vou iniciar a série com expectativas mais baixas. Mas acho que é melhor assim mesmo para eu não me decepcionar mais.
Nota: 2/5  

28 comentários:

  1. Olá :)
    Obrigada pela sua sinceridade na resenha, eu quero muito ler o livro, mas talvez não goste justamente por causa da violência exacerbada presente nos livros da autora e como você disse que o amor não convenceu também me desanima ainda mais, mas quero conferir o livro por mim mesma.

    Beijos,
    http://livrosentretenimento.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Oi, Alana, tudo bem?

    Esse livro está na lista de próximas aquisições. Eu só tinha lido apenas uma resenha desse livro e as opiniões foram, no geral, parecidas.
    Eu também não sou muito fã de triângulos amorosos...se ele é plausível e justificável eu até curto, mas quando sinto que a autora/autor coloca mais um personagem no meio do relacionamento só pra gerar conflito...detesto!
    Eu vou ler pq estou curiosa com esse universo criado pela autora, parece ser bem original apesar das inspirações.
    Vamos ver o que eu acho.

    Beijo
    - Tamires
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

    Obs. Ainda não me conformo de não ter a opção de editar o comentário...errei no outro e tive que apagar! hahaha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo numa nice sim, Tamires! *-*
      Eu estava ansiosa por esse livro muito antes de ler resenhas, eu tinha gostado da sinopse e acreditei que ia amar essa obra. Eu gostei, mas não foi isso tudo. Penso o mesmo que você sobre triângulos amorosos. Leia sim! Leia por você, teve muita gente que gostou, tipo, a maioria das pessoas.
      Ah kkkkk...
      Eu também fico irritada as vezes com isso. Queria as editar um comentário que acabei pondo algo errado, mas não dá kkkk.
      Beijin...

      Excluir
  4. Olá,
    Recebi esse livro aqui, ainda não cheguei a ler, mas todo lugar que vou só vejo elogios para a obra, por isso mesmo fiquei feliz ao ler sua resenha, é bom colocar os pés no chão. Assim como você, ainda não li Trono de Vidro, essa será minha primeira experiência com a autora, não sei se vou gostar mais ou menos que você. Essas coisas de triângulo nem sempre me agradam, ainda mais essa súbita falta de foco em personagens. Mas nunca se sabe, vou ler o livro sem expectativas.
    OBS: estava com saudades daqui, de você e de você lá no blog, tem um tempo que não passo aqui por problemas pessoais, enfim, finalmente as coisas deram uma melhorada, estou feliz em constatar isso!
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Gabi! Eu vi o post que você comentou dos livros já! *-*
      Não é sempre que um triângulo me desagrada, mas tem obras que eu não consigo engolir. É sempre bom ler com expectativas baixas, e aí vai que tu acaba gostando da obra, né não?!
      Ah, que lindo! Meus olhos se encheram com seu comentário! *-*
      Que bom, Gabi! Eu percebi a sua ausência e ficava me perguntando.
      Feliz por você e porque as coisas estão se acertando para você!
      Beijin...

      Excluir
  5. Olá, Alana.
    Que resenha enorme hehe. Eu me interesso muito por esse livro, mas gostei de ler a sua resenha para não ir com sede ao pote e me decepcionar depois. Eu também não gosto de triângulos amorosos, só quando eles são bem construídos e não do nada todo garoto da história quer ficar com a mocinha sem graça. Acho isso o cumulo porque não acontece nunca isso na vida real hehe. Mas vou querer ler, assim que lançarem todos os livros porque odeio ficar esperando.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, Sil! Eu só percebi que ficou muito grande porque você comentou. Na verdade as minhas resenhas sempre são grandes e eu sabia que essa era um pouco extensa, mas só percebi que estava realmente muito grande depois que você falou ahaha!!
      Também detesto esperar. Leia sim e tire conclusões por si só!
      Beijin...

      Excluir
  6. Oi, Alana! Tudo bem? Céus, esse livro é o primeiro de uma trilogia? Não sabia disso! :O Custo é lançar um livro único, né? Mas enfim, adorei sua resenha! Eu já não tinha tanta vontade de ler o livro, e saber que ele não te empolgou tanto já é mais um motivo para não lê-lo.

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Sempre ouço falar que esse livro é "mais ou menos". Apesar da capa me dar vontade de ler, o que ouço já não gosto. hahahah
    http://quetal-carol.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Amigaaaa surtei com essa resenha!! Mentira que é " A Bela e a Fera" versão hard core? Esse clássico é o mei preferido da Disney também *----*!! Não sabia sequer que esse livro remetia á isso, além de ser hot, dupla imbatível pra mim!! Já está na lista de desejos!! Arrasou na resenha!
    Beijos, Bru - www.naoemprestolivros.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi Alana!
    Confesso que a capa me chama a atenção, mais que qualquer outra coisa. HAHAHAHA
    E se tem 'A Bela e a Fera' é óbvio que eu quero ler *-*
    Adorei sua resenha e o livro já está na minha lista.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi Alana, acho a capa linda mas todos os pontos negativos que você citou me deixou com menos vontade ainda de ler esse livro.

    Meio dia sai sorteio no blog, não perca!

    Beijos,
    Natália
    www.doprefacioaoepilogo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Admito que fiquei bastante interessada em ler esse livro! Apesar das partes lentas e tal, fiquei intrigada com a maldição, a base de conto de fadas... Espero ler em breve!
    Beijos!
    apenasumaleitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Olá, flor será que tu não estava com expectativas altas demais por conta de Trono de Vidro?! Bem de qualquer forma, eu sei que TDV é uma série sensacional porém ainda não li. Por este motivo pensei em ler primeiro o lançamento mais para conhecer a autora. Acho que farei isso. ^^

    Beijos,
    Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Helloo, Joi! Nem foi isso, eu tinha mais expectativas para esse livro do que para Trono de Vidro, e me senti mais instigada por Corte de Espinhos e Rosas. é tanto que li esse primeiro. Mas não funcionou assim para mim...

      Excluir
  13. Eu sempre tive vontade de ler, pois estão todos falando desse livro sabe, mas eu também odeio triângulos amorosos, eles quebram nosso coração T.T enfim, talvez eu leia também para tirar minhas próprias conclusões. Sua resenha foi ótima, bem fluida e tocou em pontos cruciais mas sem dar spoiler, realmente adorei!

    http://www.leitorasvorazes.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oie, Alana!

    Eu ainda não tinha lido nenhuma resenha do livro e não tinha muita noção de como era. Sua resenha me deixou com um tanto de vontade de conhecer esse mundo de fadas, mas por outro lado, andei lendo um livro sobre fadas (aliás, já leu Shadowspell?), então por enquanto eu tô meio saturada dps de uma série de fadas, e eu também tô de saco cheio de triângulos amorosos forçados :( sério, pqqq? na vida é difícil arranjar um, quem dirá dois HUAUHAHUUHA
    Adorei sua resenha!

    Beijos,
    Letícia - Caverna Literária

    ResponderExcluir
  15. Nossa que resenha top..
    Estou com esse livro aqui pra ler e depois de ler sua resenha confesso que entrei em conflito kkkk Ser ou não ser eis a questão. Aparentemente é uma boa história que possui significativos pontos negativos. Ainda pretendo lê-lo, mas não por agora.

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Olá, Alana sua Linda, tudo bem?

    Ri horrores quando você disse, gosto de chorar muito, muito HAHAHAHA Também sou assim! Adoro ler livros que meche bastante com meu emocional, mas por que Alana Por que? HAHAHAHAH Pensei que você o amaria não creio o.o a verdade e que eu não sabia sobre ter alguma relação com a Bela e Fera! Li por que este diferente do trono de vidro deixou claro um romance na historia além de toda a fantasia que adoro! Mas sabe concordo com você no ponto do triangulo amoroso, pelo amor de deus não acredito que Sarah teve um ideia ridícula daquelas, eu odiei tanto aquele cara que toda vez que ele aparecia eu sentia vontade de correr pro banheiro e vomitar sério! Não sei por que não mencionei isso na resenha!!! Tamlin e perfeito não adianta aparecer outros, na minha opinião não faria diferença nenhuma eu sempre ficaria ao lado dele, ele personagem que possui coração lindo demais para que chegue uma mulher e quebre ele! Não posso culpa a Feyre e culpa da autora caramba HAHAHAHAHA Gosto muito da Feyre e do reino féerico me apaixonei completamente! Agora a Vilã ela me deixou de queixo caído se você quer saber, e claro que aquelas tarefas foram usado como desculpa ou a Feyre estaria morta de primeira! Mas aquele anel no dedo dela, menina choquei! HAHAHAH Enfim quando ler o segundo te conto tudo se vale a pena ou não.
    Beijinhos
    http://resenhaatual.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Oi Alana, tudo bem contigo ?
    Eu vi que o livro lançou mas a primeira vez que li a respeito foi aqui, agora.
    Não imaginava que tinha algo ligado com A Bela e a Fera em um cenário GOT.
    Também não curto muito triângulos amorosos, o autor tem que estruturar bem a história pra dar certo. Levando em consideração tudo que disse, não sei ao certo se vou gostar ao não do livro hahah
    Nunca li nada da Sarah, Trono de vidro esta na minha meta. Acho que vou ler pra ver se gosto da escrita da autora e depois pensar em Corte de espinhos :D
    Bj

    @saymybook
    saymybook.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Como lidar com resenhas que você lê apenas a sinopse e opinião e já se apaixona? hahaha Eu leria só para entender como ficaria "A Bela e a Fera misturado com Game of Thrones com ação, intrigas e romance" HSUAIHIAUS O livro parece ser bem legal, vou tentar comprá-lo para ler. Adorei sua resenha <3

    Abraço
    Eu Fico Pensando

    ResponderExcluir
  19. Oi Alana!
    Também me cansa um pouco a quantidade de triângulos amorosos sem necessidade. Mas no geral acredito que vá gostar do livro, os personagens parecem bons e o livro parece ter um clima diferente.
    Tinha gostado desse livro já pela capa (que é muito linda!), mas também achei a cara das capas da série Bloodlines. Dava para se passar por mais um da série tranquilo :p

    Tami
    Gaveta Abandonada

    ResponderExcluir
  20. Gostei muito da resenha, fiquei curiosa para ler esse livro mas claro sem muitas expectativas hahaha.
    Beijos.
    http://blogbrunadionisio.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  21. Quero tanto ler esse livro, só de ser inspirado na Bela E A Fera já me ganhou, e essa capa gente? É de morrer com tanta lindeza.
    Sua resenha me deixou aquela pontinha de curiosidade e necessidade de ler.
    Beijo

    www.tecontopoesia.com

    ResponderExcluir
  22. Oi, Alana!

    Tenho muita vontade de ler estes livros, pois vejo bastante resenha positiva, como sua resenha. Parabéns!

    Beijos!
    Danny
    Irmãos Livreiros

    ResponderExcluir
  23. Oi Alana! Confesso que queria muito esse livro simplesmente pela capa, que acho maravilhosa! Até agora, não tinha lido nenhuma sinopse ou resenha, e após ler a sua, fiquei com um pezinho atrás rsrs Não sou fã de triângulos amorosos, se for bem construído e justificável até tento engolir, mas quando são só para botar lenha na fogueira... aí não dá! Mas, como apesar disso você disse que a trama foi bem construída, acho que vou me arriscar, só não vai ser prioridade mais hahaha

    Amei o blog e já estou seguindo, te convido a visitar o meu! <3
    Beijos,
    Ana | Blog Entre Páginas
    www.entrepaginasblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  24. Oii Alana, tudo bom?
    Fico triste que não tenha atendido suas expectativas, mas concordo com você em algumas coisas que só vim pensar depois, tipo, como poderia acreditar em alguém que se apaixona por alguém para tentar salvar o reino? Na hora imaginei que a Feyre iria ficar com raiva, com tudo o que aprendemos sobre ela, mas não aconteceu.
    E esse triângulo é o que me mata! Para mim não importa o quão bem construído ele seja, não cola, de jeito nenhum! E apesar de ter amado a história fico na dúvida se vou conseguir continuar com os outros livros, ainda mais (se comparado com Trono de Vidro) vão ser muitos e a maioria, provavelmente, só de enrolação :/
    Enfim, a resenha está ótima como sempre, adorei! *-*
    http://estantedeumafangirl.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir